Projetos – Portugal 4.0

Projetos – Portugal 4.0 2018-11-29T19:05:53+00:00

NOME DO AVISO/CALL: 04/SIAC/2017

NOME DO PROJETO: PORTUGAL 4.0 (Projeto n.º 37685)

CUSTO TOTAL ELEGÍVEL: 726 858,92€

DATA INÍCIO: 8 de Agosto de 2018

DATA FIM: 6 de Agosto de 2020

APOIO FINANCEIRO DA UE: 617.830,08 €

DESCRIÇÃO DO PROJETO

A ANETIE pretende, no âmbito deste projeto, dinamizar as exportações do tecido empresarial português do setor das TICE, através de um conjunto de ações devidamente planeadas e articuladas no sentido de promover internacionalmente as potencialidades tecnológicas e inovadoras de Portugal e do setor.

O projeto visa agilizar a entrada das empresas portuguesas do setor das TICE em novos mercados externos estratégicos, através de um conjunto de atividades complementares e abrangentes.

Pretende-se aumentar a exposição, visibilidade e reconhecimento internacional de Portugal e das suas empresas como fornecedores de bens e serviços inovadores, competitivos e de elevada qualidade, através do desenvolvimento de uma imagem globalizada do setor TICE nacional, que reforce os seus principais pontos fortes, colmatando algumas das lacunas individuais das empresas que o constituem (fundamentalmente nas áreas comercial, de marketing e distribuição).

O presente projeto procura, por conseguinte, mobilizar e capacitar o setor das TICE como um todo, através do desenvolvimento de um plano estrutural e duradouro que aproxime as PME portuguesas do setor das principais oportunidades de negócio em mercados promissores (Canadá, Brasil, Rússia e China), procurando facilitar, dinamizar e fomentar a sua atividade internacional.

OBJETIVOS DO PROJETO

O presente projeto tem como Objetivo Estratégico de referência dinamizar as exportações do tecido empresarial português do setor das TICE, através da criação de mecanismos geradores de contactos, leads e oportunidades de negócio em mercados internacionais estratégicos:  Canadá, Brasil, Rússia e China, tendo por base a promoção internacional (institucional) do setor junto de centrais de compras, plataformas de contratação e grandes players internacionais desses destinos.

Pretende-se, neste sentido, reforçar o reconhecimento e a visibilidade internacional de Portugal como parceiro tecnológico, inovador e competitivo (sob uma marca umbrella, com uma imagem globalizada/representativa do setor), premissa indispensável à criação de relacionamentos estratégicos e duradouros com parceiros internacionais que facilitem/promovam trocas comerciais de bens e serviços.

IDENTIFICAÇÃO DOS MERCADOS-ALVO

São identificados quatro mercados como  fundamentais para o desenvolvimento e crescimento das empresas portuguesas, tendo sido selecionadas economias grandes, emergentes, centrais na sua respetiva região, e com bastante potencial evolutivo do ponto de vista tecnológico.

Destacam-se algumas oportunidades de negócio nestes mercados: educação/elearning; mobilidade (comunicações móveis e desenvolvimento de aplicações móveis em diferentes campos); saúde (equipamentos de diagnóstico e sensorização à distância, métodos de gestão, sistemas de informação), turismo (desenvolvimento de equipamentos e sistemas para o setor), cibersegurança (preservação, proteção, salvaguarda e garantia de consistência da informação e do seu encaminhamento e transporte, bem como a garantia de utilização da informação disponível e dos equipamentos que a armazenam e transportam); Cloud computing; Internet das Coisas; Cidades Inteligentes.

Mais especificamente, e relativamente a cada um dos mercados selecionados, pode ainda acrescentar-se:

Canadá: Carateriza-se pela capacidade de investimento na componente de investigação e desenvolvimento;

China: Apresenta uma forte incorporação tecnológica no fabrico de equipamentos;

Rússia: Tem vindo a apresentar índices interessantes de crescimento na vertente do desenvolvimento de software e segurança informática;

Brasil: detém elevado know-how na vertente de comunicação e divulgação de software e aplicações.

PRINCIPAIS ATIVIDADES

No âmbito deste projeto, são identificadas como atividades principais:

1. Divulgação do projeto

Através da realização de três ações de disseminação, uma no Norte, uma no Centro e uma no Alentejo, no sentido de divulgar e promover o projeto em Portugal, sobretudo nas regiões supracitadas, junto de instituições públicas e dos principais agentes do setor das TICE. A realização destas ações tem como principais objetivos: dar a conhecer o planeamento e respetivas atividades a desenvolver no decorrer do projeto e os principais objetivos estratégico e operacionais propostos; e procurar envolver/comprometer os diversos beneficiários indiretos do projeto em cada uma das regiões em causa.

2. Levantamento do mercado, através da subcontratação da realização de levantamento, qualificação e hierarquização das principais centrais de compras nos países âmbito de investimento neste projeto

Este levantamento do mercado permitirá orientar estrategicamente as ações a realizar na atividade, possibilitando selecionar um conjunto robusto e abrangente de centrais de compras e plataformas de contratação nos mercados-alvo, de forma a delimitar-se, ainda que parcialmente, o público-alvo das principais ações de promoção internacional do setor.

3. Promoção Internacional do Setor TICE

Esta atividade engloba o planeamento, desenho e criação de ações promocionais nos mercados externos (sustentadas pela marca Login>PT, objeto de rebranding e estudo da marca, revista Login>PT e desenvolvimento de novos conteúdos, vídeo promocional associado e criação e implementação de campanha de social media internacional), seguidas de follow-up.

Engloba, ainda, o desenvolvimento de missões invernas paralelas ao Evento tecnológico de referência: Web Summit 2018/2019.

Para além da sensibilização para a importância e relevância do setor português das TICE, ao enfoque estará ainda na angariação de protocolos de parceria com centrais de compras e plataformas de contratação, procurando firmar/estabelecer canais que permitam às empresas portuguesas aceder a oportunidades de negócio relevantes no estrangeiro, facilitando o processo de exportação de tecnologia e know-how portugueses.

4. Desenvolvimento de plataforma interativa

Esta atividade permitirá materializar os protocolos e parcerias assinados com centrais de compras e plataformas de contratação numa ferramenta interativa única, que permita disponibilizar às empresas portuguesas as principais oportunidades de negócio para o setor das TICE no Canadá, Brasil, Rússia e China.

5. Apresentação e disseminação de resultados

Pressupõe a recolha e sistematização da informação referente às ações realizadas e elaboração de brochura de apresentação e disseminação de resultados.

Prevê ainda a realização de 3 ações de divulgação e disseminação de resultados (um no Norte, um no Centro e um no Alentejo).